domingo, 19 de setembro de 2010

Flutuar

O vôo é novo, tudo é novo
Parece que estou abrindo os olhos pela primeira vez
Parece até mesmo que estou flut...opa, estou mesmo!
Passei pelas vozes enfadonhas, passei pelas projeções de mim mesma, passei pelo receio de não existir
Agora subo, continuo subindo
E é só pensar em cair que já me encontro rente ao chão
"O segredo é não ter medo"
Uma voz dentro da minha cabeça me mostra a direção
E eu, quase desgostosa, não tenho escolha a não ser segui-la

Desperta
Olha para o teto e agradece
Que mais uma etapa da sua vida começou.

Nenhum comentário:

Postar um comentário