quinta-feira, 3 de novembro de 2011

Velho

Te quero, te velo
E aí, nada faço.

Um comentário:

  1. Quero-te, quero-te
    E o que faço É não te querer.
    Velo-me.

    ResponderExcluir