domingo, 8 de julho de 2012

Diálogo

Chegou e não bateu
Entrou sentou sorriu
Olhou sentiu feriu

- Embora vou

Quanto tempo assim sem ver
E agora me chega assim 
Dizendo pra nunca mais

- Vou

Sentei senti pensei
Olhei pedi chorei
Calado fiquei

- Ou...

As mãos não mudam com o passar dos anos
Os pés não mudam com a mudança de planos
Parei sumi sonhei
Voltei "por quê?" falei

- Cansei.


Vestiu abriu fugiu
Ventou pairou sumiu
Tentei corri segui
Perdi.

Nenhum comentário:

Postar um comentário